top of page

O Dublê, novo filme de ação da Universal Pictures, quebra recorde mundial de giros com carros após uma explosão

David Leitch, diretor do longa, afirma que este é um reflexo de sua experiência como dublê e uma homenagem a todos que realizam a função


Por REDAÇÃO

O documentário 'O Lado Sombrio da TV Infantil' estreia em abril na Max (Foto: Divulgação)

A Universal Pictures divulgou nesta sexta-feira (22) um vídeo exclusivo sobre a produção de O Dublê, novo longa do estúdio estrelado por Ryan Gosling e Emily Blunt, que tem previsão de estreia para maio em todo o Brasil.


Após mostrar ao público um pouco mais sobre o filme, o vídeo foca em como foi quebrar o recorde mundial de giros com o carro após uma explosão (conhecido pela expressão inglesa “cannon car rolls”), onde Logan Holladay, dublê de direção de Colt Seavers (Gosling), alcançou o impressionante número de 8.5 voltas, superando o número anterior de 7 voltas, e sendo reconhecido pelo Guinness World Records.


Segundo o diretor David Leitch, O Dublê é uma homenagem aos profissionais que desempenham estes papéis arriscados, assim como um reflexo de sua própria carreira como dublê e, por isso, o objetivo do projeto era fazer algo incrível, grande e que pudesse quebrar recordes. Emily Blunt, que interpreta Jody Moreno, conta que o filme é uma carta de amor feita por David para a “tradicional forma de ser um dublê”.


 

CONTINUE APÓS A PUBLICIDADE

 


Ele é um dublê e, como todos na comunidade de dublês, faz as cenas mais arriscadas de explosão, tiroteio, incêndios, perseguição e acidentes de carro, quedas das mais altas janelas, tudo para nos divertir. Mas agora, depois de um grave acidente que quase acabou com sua carreira, esse herói anônimo das produções de cinema precisa descobrir o paradeiro de um astro de cinema desaparecido, desmascarar uma conspiração e tentar reconquistar o amor de sua vida enquanto ainda faz seu trabalho diário. O que poderia dar errado?


O ator indicado ao Oscar Ryan Gosling (“Barbie”, “La La Land: Cantando Estações”, “Drive”) interpreta o protagonista Colt Seavers, um dublê que a profissão deixou com muitas cicatrizes. Há cerca de um ano, inclusive, abandonou os sets para cuidar de sua saúde física e mental. Ele é convocado de volta aos bastidores quando o astro de um blockbuster de grande estúdio em produção – dirigido por sua ex, Jody Moreno, papel da atriz vencedora do Globo de Ouro Emily Blunt (“Oppenheimer”, filmes “Um Lugar Silencioso”, “Sicario: Terra de Ninguém”) – desaparece.

A produtora incansável do filme (a atriz vencedora do Emmy Hannah Waddingham, série “Ted Lasso”), faz de tudo para manter em segredo, do estúdio e da mídia, o desaparecimento do astro Tom Ryder (o ator vencedor do Globo de Ouro Aaron Taylor-Johnson, “Trem Bala”). Nesse ínterim, Colt filma as acrobacias mais arriscadas do filme enquanto tenta (sem muito sucesso) reconquistar Jody. Mas, à medida que o mistério em torno do desaparecimento de Ryder se intensifica, Colt se envolve em uma trama sinistra e criminosa que vai deixá-lo face a face com a cena mais perigosa que jamais se arriscou a fazer.


 

CONTINUE APÓS A PUBLICIDADE

 

Inspirado em “Duro na Queda”, série de TV de sucesso dos anos 1980, O Dublê é coestrelado por Winston Duke (franquia “Pantera Negra”) e a atriz indicada ao Oscar, Stephanie Hsu (“Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo”).

Com roteiro de Drew Pearce, O Dublê é produzido por Kelly McCormick (“Trem Bala”, “Anônimo”, “Atômica”) e David Leitch, pela 87North, de Leitch; Ryan Gosling; e Guymon Casady (série “Game of Thrones”, “Steve Jobs”, produtor executivo da série “Ripley”), pela Entertainment 360. Assinam a produção executiva Drew Pearce; Geoff Shaevitz, da Entertainment 360; e o criador da série de televisão original, Glen A. Larson..


O Dublê, tem previsão para estrear em maio de 2024 nos cinemas de todo o país.

Comments


NOVIDADES

Evento interativo Disney+ chega ao Iguatemi Campinas