top of page

Tragédia de Realengo ganha série documental na HBO Max

Série documental de quatro episódios traz um debate factual, informativo e cuidadoso sobre os acontecimentos do dia 7 de abril de 2011, abordando os perigos dos discursos de ódio disseminados em fóruns on-line.


'Massacre na Escola - A Tragédia das Meninas de Realengo' (Foto: Divulgação / HBO | HBO Max)


No dia 9 de julho, estreia na HBO Max e na HBO, às 22h, a série documental ‘MASSACRE NA ESCOLA - A TRAGÉDIA DAS MENINAS DE REALENGO’, uma coprodução da Giros Filmes e Warner Bros. Discovery, dirigida por Bianca Lenti. Com quatro episódios, a série acompanha o antes e o depois das vítimas e seus familiares e se aprofunda no universo dos grupos de ódio nas redes sociais, onde são compartilhados discursos extremistas, sobretudo de misoginia.


Quinta-feira, 7 de abril de 2011, 8h30 da manhã. A Escola Municipal Tasso de Silveira comemora os 40 anos de funcionamento. Um ex-aluno entra com duas armas escondidas, se apresenta como palestrante e pela primeira vez no Brasil ocorre um massacre em uma instituição de ensino. Em cerca de 15 minutos, foram mais de 30 disparos, 24 estudantes baleados e 12 mortos, dentre eles, 10 meninas. Testemunhas pontuam que o assassino se direcionava, majoritariamente, às alunas da escola. O caso comoveu o país e o massacre foi considerado como feminicídio em massa.


 

CONTINUE APÓS A PUBLICIDADE

 

'Massacre na Escola - A Tragédia das Meninas de Realengo' (Foto: Divulgação / HBO | HBO Max)


Após 12 anos, a tragédia continua presente na sociedade. Bianca Lenti, produtora e diretora da série documental, aponta a necessidade de não esquecer o crime de ódio que levou à morte de crianças inocentes e investiga as muitas camadas de violência entranhadas no pior atentado já ocorrido em uma escola brasileira, abordando inclusive, ao longo dos episódios, ataques que sucederam o dia 7 de abril de 2011, como o massacre de Suzano em 2019.

 

CONTINUE APÓS A PUBLICIDADE

 

Nos episódios, especialistas e vítimas discorrem sobre as multicamadas históricas e sociais por trás do crime, com pautas complexas e atuais, que trazem debates e medidas para prevenir este fenômeno social.


MASSACRE NA ESCOLA - A TRAGÉDIA DAS MENINAS DE REALENGO é uma coprodução da Giros Filmes e Warner Bros. Discovery, com direção de Bianca Lenti e produção de Belisario Franca, Bianca Lenti e Maurício Magalhães por parte da Giros Filmes. Por parte da Warner Bros. Discovery, a série conta com Anouk Aaron como head de produção, Adriana Cechetti como diretora de conteúdo e supervisão de conteúdo de Patricio Díaz.

Commenti


bottom of page