top of page

Disney reúne 543 personagens de desenhos em 'Era Uma Vez Um Estúdio', nos 100 anos da empresa

Curta animado celebra 100 anos de magia e fantasia do estúdio de animação, mais famoso do mundo



Nesta segunda (16), a Disney celebra 100 anos de magia e fantasia, com personagens que marcaram gerações e, um deles com certeza é o seu favorito. Pra comemorar a data que marca a criação de uma das gigantes do entretenimento familiar mundialmente, o Disney+ lançou em sua plataforma, o curta inédito que reúne 543 personagens clássicos, em frente a sede do Walt Disney Animation Studios em Burbank, Califórnia, para uma foto com o elenco da firma.


O projeto que é idealizado e dirigido por Trent Correy e Dan Abraham, envolve um passeio em live-action pelo local onde a mágica acontece — onde é feito grande parte do trabalho dos longas de animação da Disney. Com muita magia ala Disney, os personagens de animação 2D e 3D do estúdio, saltam dos quadros e vagam pelos corredores onde foram originalmente desenhados ou renderizados.


 

CONTINUE APÓS A DIVULGAÇÃO



 


De acordo com a Variety, o animador Eric Goldberg , que ingressou na Disney em 1990 e agora trabalha com a equipe Creative Legacy, responsável pelas aparições contínuas de personagens clássicos da Disney em diversas mídias ( dos shows do Cirque du Soleil aos comerciais de TV), “Trent e Dan queriam que esses personagens tivessem a aparência e os movimentos de sempre”.


“Eles não estavam optando por um estilo Roger Rabbit, onde os personagens desenhados à mão são iluminados e esculpidos de forma dimensional. Eles queriam deixar os desenhos parecendo desenhos... Há certos personagens que foram criados durante o período Xerox da Disney, como em 'O Livro da Selva' ou '101 Dálmatas', e fizemos uma linha estilo Xerox para esses personagens em limpeza, para que parecessem absolutamente autênticos.”


O maior desafio, foi a escolha da caracterização dos personagens clássicos como Pateta e Pato Donald, que foram representados na tela em formas diferentes ao longo dos anos. Para o Mickey Mouse, a equipe escolheu o traço do personagem em “Festa de Aniversário do Mickey”, curta colorido de 1942.


Segundo a Variety, na versão original a equipe da animação também buscou trazer de volta o maior número de vozes originais possíveis, como de Jeremy Irons (como Scar) à estrela da Broadway Judy Kuhn (que voltou para cantar em Pocahontas), e obteve permissão do espólio de Robin Williams para usar o Genie de “Aladim”.

 

CONTINUE APÓS A DIVULGAÇÃO



 


Já na versão dublada, podemos ouvir as vozes de dubladores, alguns já falecidos, como de Robert Guillaume, dublador de Rafiki em O Rei Leão e, Orlando Drummond dublador de Caco em A dama e o Vagabundo. Além das fadas Selma Lopes (Flora), Joyce de Oliveira (Primavera) e Nádia Maria (Fauna) em A Bela Adormecida.


"Era Uma Vez Um Estúdio" já está disponível no catálogo do Disney+.

10 visualizações

Comentários


bottom of page