top of page

TV aberta segue sendo a preferida dos brasileiros, aponta estudo da Kantar Ibope Media

Investimentos em produções locais, programação diversa e publicidade intensa são sinais de crescimento do setor

A TV aberta continua sendo um dos principais meios de entretenimento no Brasil, mesmo com a proliferação de outras opções de conteúdo em diferentes telas e plataformas. De acordo com a pesquisa da Kantar Ibope Media, em 2023, 68% da população brasileira assistiu à programação de TV aberta por cerca de cinco horas por dia, tornando o Brasil o maior consumidor de TV aberta na América Latina.

Esse comportamento do público telespectador também se reflete na interação da TV aberta com outras mídias e formatos audiovisuais, incluindo as redes sociais. A diversidade de conteúdos oferecidos pelos canais, juntamente com uma programação tradicional que se mantém relevante, contribui para a identificação imediata do público com a TV aberta.

Além dos conteúdos produzidos pelas próprias emissoras, a colaboração com produtoras independentes e a produção de conteúdo nacional e regional têm ampliado ainda mais a programação da TV aberta. Essa diversificação é fundamental para atrair telespectadores interessados em qualidade e custo-benefício.

A TV aberta também se adapta às mudanças trazidas pelo acesso à internet, dialogando com todas as mídias de maneira eficiente. Em 2023, ela representou 39,6% dos investimentos em publicidade, conforme o estudo Cenp-Meios do Conselho Executivo das Normas-Padrão (Cenp).

Mesmo com a conectividade em outras plataformas, a TV aberta mantém seu status de “queridinha” entre os telespectadores. A oferta de uma programação diversificada, incluindo canais abertos, TV linear e streaming, contribui para sua relevância contínua. A modernização da TV aberta também está em curso, com investimentos em diversos segmentos do negócio.

0 visualização

コメント


bottom of page